domingo, 7 de setembro de 2014

A Manifestação do Espírito Santo - Última Parte



Recordo-me quando Ele não fazia parte de mim...

Vivia a cada dia esperando uma boa noticia, uma expectativa, algo bom aos meus olhos acontecerem... Era muito ansiosa, nervosa, não tinha controle sobre meu eu... 

Certo domingo estava na igreja, quando o Pastor dizia que quem era salvo tinha o desejo de salvar. 

Que o Espirito Santo viria sobre nós para negarmos a nós mesmos, pegar a nossa cruz e seguirmos a Ele... 

Quando sai da igreja fechei os meus olhos e pensei: Quero amar o próximo agora... Vou interiorizar isso... Mas, nada aconteceu. 

Confesso que me senti mal diante de Deus. Após um tempo compreendi que o batismo no Espirito Santo não se dá por merecimento, mas pela fé em recebê-Lo e sede de comunhão com Deus, pois Ele prometeu que não nos deixaria só.

Fiz propósitos de sacrifícios, renunciei a muitas coisas e enfim, quando reconheci que meu primeiro batismo nas águas não tinha validade e me batizei novamente, Ah, naquela tarde ensolarada de domingo Ele veio sobre mim... Nunca vou me esquecer! 

Não cai, não rodopiei. Entendi certo tempo depois que foi o Espirito Santo, pela total paz... Indescritível... 

Eu não queria nem dormir de tão feliz que eu estava. Não queria nem falar, apenas viver aquela experiência. Algum tempo depois, recebi o dom de línguas... 

Achava que era coisa da minha cabeça, mas não era. 

A partir daquele dia, passei a viver, segundo os interesses de Deus. 

Toda minha vida foi submetida a Ele. 
Em tudo. Eu mudei. 
Queria muito mais Dele. 

Passei a amar o próximo, ter sede de salvar. E até hoje esta sede é insaciável. Só em escrever o meu ser se inunda... Às vezes estou no trabalho me dá sede Dele... No ônibus, na rua. 

Quando saio da igreja às quartas-feiras tenho vontade de ir até a minha casa pulando de tanta alegria. 

Posso enfrentar o maior deserto, mas aquela paz recebida naquela tarde, até hoje permanece em mim e tem reformulado o meu eu a cada dia... Transforma-me, me ensina e molda. A sede de salvar também é muito grande.

E assim também foi manifesto a Saulo, que após receber esta dádiva divina passou a ser Paulo, o grande missionário, que deu a própria vida em prol de salvar almas. O que dizer do mágico? E assim o Espirito Santo de Deus tem sido derramado sobre aqueles que desejam salvar, até que o Senhor Jesus volte.

Se alguém diz ter o Espirito Santo por cair, rodopiar, falar em línguas e a própria vida não é testemunha do Senhor, não levando as boas novas, cuidado! Não se engane. Assim está escrito... ”mas, recebereis poder quando descer sobre vós o Espirito Santo, e serei minhas testemunhas em Jerusalém, em toda Judéia, Samaria, e ate as regiões mais distantes da terra.” Atos 2:8.


Espero pode colaborar de forma positiva para sua vida.

Um comentário:

  1. Ao visitar alguns blogs me deparei com o seu, e quero dar-lhe os parabéns por partilhar o seu saber, gostei por isso deixo aqui um convite:
    Ficaria radiante se visita-se o meu blog, e leia alguma coisa, meu blog é um blog cristão que fala de diversos assuntos.
    É o Peregrino E Servo.
    Desejo muita paz e saúde.
    http://peregrinoeservoantoniobatalha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...