segunda-feira, 25 de agosto de 2014

A manifestação do Espirito Santo - Parte I


Algumas vezes tento encontrar algum adjetivo perfeito para atribuir a Deus, porque Ele é além da perfeição e me faltam palavras para descrever.

Em meio a toda essa grandeza, hoje quero falar do Espirito Santo. 

Fiquei maravilhada em poder meditar no Livro de Atos, Deus se revelou para mim de maneira grandiosa, como nunca. É lindo ver os primeiros cristãos... Eles são sinceros e sedentos. 

Antes de Jesus ser crucificado, Ele disse que não nos deixaria só. 

Enviaria o Consolador. 

E assim foi com os primeiros cristãos. Mesmo antes de receberem o Espirito Santo, eles se mantiveram fieis a Jesus, certos que deveriam levar as boas novas aos que necessitavam de libertação das leis, da letra. E vendo este desejo sincero, foi derramado sobre eles o Espirito Santo.

Antes de continuar, gostaria de destacar “Espirito Santo”: O Espirito do próprio Deus em nós. 

Acredito que não temos capacidade para compreender o tamanho e o valor desta dádiva que não pode ser conquistada com dinheiro, nem por merecimento, por títulos, cargos, força do braço, ou qualquer outra coisa que este mundo possa oferecer, não! Esta dádiva somente pode ser dada pelo próprio Deus, quando vê em nós o desejo sincero em ter comunhão com Ele.


Voltando ao batismo no Espirito Santo, quando os primeiros cristãos foram batizados, ao contrário do que vemos por ai, de acordo com as santas escrituras, vemos as pessoas cheias de alegria, paz, e era também concedido o dom de falar em línguas... Mas, tudo com ordem, decência e alegria... 

Nada de derrubar as pessoas no chão, ou simplesmente fazerem danças estranhas, rodopiar. 

Nada disso. 

As pessoas eram cheias do Espirito de Deus para que com toda alegria pudessem levar salvação aos que sofrem, esse foi um sinal evidente. 

Deus não derramou o seu Espirito nas pessoas para glória própria delas, ou simplesmente acontecer por acontecer. Não. 

Deus deu derramou o seu Espirito para que Eles tivessem poder para libertar os enfermos, os cativos, os possessos e assim salvar. Essa é uma das características de quem possui o Espirito Santo. 

É algo grandioso demais para ficarmos para nós mesmos. 

Impossível, pois quem é salvo também quer salvar!

Continua...

terça-feira, 19 de agosto de 2014

O Templo de Salomão


Quatro anos de espera, votos, propósitos, sacrifícios, orações, lágrimas... Tudo em prol de um Sonho inspirado pelo próprio Deus.

Em meio ao maior espetáculo esportivo do mundo, pela direção do Espirito Santo, decidimos nos santificar, abrir mão do tal espetáculo para ficarmos em espirito de oração e jejum durante 40 dias para nos prepararmos para a nossa tão esperada entrada no Santo Templo. E assim foi.

Acredito que todos como eu, foram renovados e cheios de Deus nestes 40 dias de santificação, ou melhor, 53 dias para mim.

Preparei-me. Espirito renovado. Adornei-me com roupas novas e finalmente era o meu dia de estar lá!

Quando estava na esplanada, me preparando para entrar e vi os levitas abrirem as portas, vi como anjos de Deus abrindo as portas dos céus... Ao cruzar a segunda porta, inexplicavelmente comecei a chorar... de alegria, de gozo. Senti-me nos céus, acolhida pelo próprio Deus, pois mesmo sem merecer, me perdoa todos os dias. 

Cada detalhe me levou ao Tempo original, fiz uma retrospectiva da minha vida. 

Deus me mostrou como sou tão frágil e pequena diante Dele. 

Mostrou-me a minha total dependência Dele. 

Colocou-me no colo.

Lembrou-me das suas promessas. Ali toda reverência, santidade, amor, respeito pelo nosso Deus são evidenciadas, como há muito não se vê. 

Estive no Santo dos Santos. Deus me mostrou que cada detalhe reforçava o modelo de relacionamento que Ele quer ter comigo. Muito forte.

Disse-me que para eu receber, primeiramente eu tinha que dar o meu Eu, a minha vida 100% no altar, não no falar, mas no agir.

Fez-me lembrar de todo sacrifício derramado para aquele sonho e grandeza estar de pé. E o mais importante de tudo: O incontável número de almas que serão salvas. Casa de Oração aberta para todos os povos. 

Em meio a tudo isso, enquanto aguardava o Santo Culto, cochilei. A paz em meu ser era grandiosa.

As cortinas abriram e fecharam, o silêncio reinava. Desde o momento em que entrei até a saída, só foi possível ouvir uma única voz: “A voz de Deus”.

Não fui mais a mesma.


domingo, 4 de maio de 2014

Ordem e disciplina no Reino


Quando Deus instruiu a Moisés sobre a construção do Tabernáculo, podemos observar todo cuidado e instrução. Cada utensilio era rico em detalhe, cada cortina, cada varal, cada bacia, a arca... Tudo muito organizado e com muita ordem. 

O Altar era santo.

O Santo dos Santos só tinha-se acesso pelos escolhidos de Deus, jamais por qualquer pessoa. Se houvesse desobediência, umas das penalidades era a morte. Deus é santíssimo e mediante dos nossos pecados, não poderíamos resisti-lo.

Jamais poderia apresentar-se diante de Deus sem ofertas. Estas eram estipuladas pelo Próprio Deus e o povo obedecia.

E hoje como temos nos apresentado diante da Casa de Deus?

Antes de você chegar lá, Deus já está esperando por você.

Será que nos dias de hoje, tem-se cumprido a ordem de decência e organização dentro da Casa de Deus?

Ele se atenta aos detalhes, observe. Por isso, sempre dê o seu melhor. Seja você obreira, evangelista, membro. Deus sempre estará à espera da sua melhor oferta. Jamais se apresente de qualquer jeito diante de Deus, pois somos nós que precisamos da sua infinita misericórdia.

Quando você se apresenta na Casa de Deus, você se coloca diante de Deus. Por isso a importância da sua sinceridade para com Ele, o seu melhor, o seu verdadeiro Eu.

Quando você coloca os seus pés na Casa do Senhor, você está em um lugar santo. E no altar no lugar santíssimo. Valorize e tenha temor quando se apresentar diante do altar é um privilégio. Quando você presta atenção quando o seu Pastor está pregando, está dando ouvidos a um anjo enviado por Deus para que sua palavra dê bons frutos.

Toda essa organização e riquezas de detalhes, Deus também procura no nosso interior, nosso altar exclusivo para Jesus.

O que você tem oferecido neste altar?

Você, o seu altar, a sua vida são reflexos do que você tem ofertado para Deus.


Pense nisso.

domingo, 27 de abril de 2014

Alicerce!


Se amar é dar, como encontrarei o alicerce para isso?

Engraçado como o ser humano, muitas vezes é egoísta, quer receber primeiro para poder dar.

Observe que as pessoas tem o hábito de pensar: “Para corresponder, quero ser correspondido, primeiro”.

Impossível falar em amor, sem falar na compreensão do amor de Deus para conosco. Se não somos capazes de compreender este amor, nunca seremos capazes de amar, pois está escrito: Dar-se e vos será dado.

Antes de amar a alguém, temos que executar em nossa vida o primeiro mandamento que Deus nos deixou: Amar a Deus sobre todas as coisas, quer dizer, o meu amor por Deus deve estar acima de tudo, Ele deve ser o primeiro amor da minha vida, acima de pai, mãe, filhos, filhas, namorado, marido, eu mesmo, tudo. Este amor é o principio para construção do alicerce interior do amor.

Se você está um problema agora, não pense que com apenas palavras, tudo irá se resolver, jamais. Nada se resolve na força do braço, mas onde superabunda o amor de Deus, tudo se faz novo.

Ei, você já tentou de tudo?

E com Deus, já tentou uma parceria?

Se ainda não tentou, tente! É infalível.

Ele faz em seu interior o que ninguém pode fazer! Sarar feridas, fazer o passado ser passado de fato, transformação, novo coração, vida nova.
A Pedra Fundamental é o principio de tudo.

Só somos capazes de amar e compreender o amor quando temos amor genuíno dentro de nós, e esse só pode ser adquirido quando amamos a Deus como Ele nos ensina, submissos a Ele, pois só podemos dar aquilo que temos!

 Espero poder colaborar de forma positiva para sua vida!

domingo, 1 de setembro de 2013

Como ter exito na vida sentimental?


Observo muitas pessoas ao meu redor sempre reclamarem em relação à pessoa amada, ou quando amam não são correspondidas!

Ainda há aquelas que apontam todos os erros de seu parceiro, criticando-o, e ainda acham que devem atacá-lo como se ele fosse seu inimigo, ou simplesmente “dão o troco”.
Sinto em informá-los, mas nenhuma destas ações levarão ao amor sob medida!

Amar vai além dos sentimentos, é uma atitude inteligente que nada têm com o coração, mas sim com a razão.

Atitudes estas que levam você e o seu parceiro a ser uma dupla de sucesso, não apenas um casal.
Dupla esta que faz a diferença, parceiros, amigos e companheiros!

Mas, para se chegar a este resultado com êxito, logicamente há um começo. E o que seria este começo?
O seu interior!

Se você não estiver bem resolvido interiormente, jamais terá capacidade de amar alguém, pois amar é servir! Amar é dar.

Observo muitas pessoas que são ansiosas pela vida sentimental, namoram, ficam, saem, juntam, enfim, não se valorizam e se machucam nestas empreitadas. Arriscam como se a vida delas fosse um jogo simples de perder ou ganhar!

E enquanto isso seu interior está sem nenhum alicerce, força para amar!

E como adquirir o alicerce para o amar? Como saber se estou preparado para amar alguém?

Não faço ideia de quantas pessoas irão ler estes textos, mas irei escrever uma série sobre vida sentimental, baseada na minha experiência de vida e transformação.

As respostas para as perguntas acima, você irá encontrar nas próximas publicações.


Continua!

domingo, 4 de agosto de 2013

Senhor, quem entrará no Santuário para te adorar?


 A resposta a esta pergunta se dá no Livro de Salmos:

Aquele que é limpo de mãos e puro de coração, que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente.

Enquanto louvava, meditava nestas palavras!
Tenho o hábito de me consagrar, e pedir a Deus que me mostre o que em mim não está agradando-O, e assim eu possa mudar!
Acredito que todo nascido de Deus, vive a buscar o aperfeiçoamento em Deus, não porque merecemos alguma coisa, mas pela graça que Ele nos concede.
Em tudo isso, sabemos que o nosso maior bem, é salvação da nossa alma e o galardão que temos a conquistar no Reino de Deus.
E ao meditar nesta linda canção bíblica, me peguei a pensar: Quem entrará no Santuário para te adorar?
No Santuário... Ser servo! E não é para qualquer pessoa! É para aquele que possui mãos limpas, o coração puro, não é vaidoso e sabe amar!

Mãos Limpas: Mãos adornadas e perfumadas para o trabalho do Senhor. Mãos que não carregam consigo: sujeira, manchas do pecado. Mãos aprovadas por Deus.

Coração Puro: Limpo. Sem mácula, sem rastro de sujeira, assim como as mãos limpas. Coração quebrantado, como de uma criança. Na palavra está escrito, que aquele que não for puro como uma criança, não herdará o Reino dos céus!Coração que não é comandado por sentimentos, mas pela inteligência. Deus é o centro deste coração.

Não é vaidoso: É servo!É submisso! Segundo o Dicionário Michaelis, temos por vaidade:
sf (lat vanitate) 1 Qualidade do que é vão, instável ou de pouca duração. 2Desejo imoderado e infundado de merecer a admiração dos outros. 3 Vanglória, ostentação. 4 Presunção malfundada de si, do próprio mérito; fatuidade, ostentação. 5 Coisa vã, fútil, sem sentido. 6 Futilidade. V. de língua: jactância, presunção.
Valoriza a única coisa que traz a vida: Morte de si mesmo.

Sabe amar: É inteligente! Pratica os ensinamentos de Jesus Cristo! Tem um compromisso, aliança com Deus! Ele compreende que Deus é amor e que devemos amá-lo acima de todas as coisas. Ele entende que não há amor fora de um compromisso com Deus.
Só se conhece o amor e aprende a amar, aquele que conhece a Deus além de meras informações a seu respeito. Mas, aquele que teve uma experiência real com Ele. Amor vivo.

Deus nos deixa muito claro, que para entrar em seu Santuário, o candidato tem que mostrar que o quer, que tem sede.
É muito precioso,  algo grandioso!
Só compartilhamos o que temos de maior valor com que nos inspira confiança; E a confiança só é conquistada quando mostramos e provamos e com Deus não é diferente.
Ele só permitirá a entrada em seu Santuário daquele que mostrar todas as características mencionadas acima, diferente do que dizem por ai, que todos serão salvos e etc.
A Bíblia é muito direta em relação a isso. O céu está aberto a todos, mas não será para todos!

Espero colaborar de forma positiva para sua vida.


domingo, 21 de julho de 2013

O Altar!





Há uns dois anos mais ou menos, decidi escrever sobre o altar, mas por Deus ter me dado outras direções, acabei não me inspirando para falar exclusivamente dele.

Hoje, Deus me deu a devida direção para fazê-lo.

Para quem me conhece e sabe, amo escrever neste simples blog, porém o faço com a direção do Espírito Santo.

Cada texto é incluído em obediência, afinal, apenas sou instrumento para a escrita.

E a cada relato, uma experiência e aprendizado novo, vivido neste momento.

Vamos ao altar, ou melhor, Altar!

Em texto narrativo, ou um relato, Altar com letra Maiúscula porque se trata da representação do próprio Deus!
Lugar de sacrifício, vida, aliança, compromisso, santidade, arrependimento, votos, ofertas, entrega.

A riqueza do detalhe faz toda diferença, não pelo detalhe físico, mas sim, pelo detalhe Espiritual: Deus está ali.

Quando você entra na casa Dele, logo encontramos o Altar, o Centro! Fitando-nos e nos dizendo: Eu sei o que traz consigo!

No Altar corações são revelados, tocados, transformados, máscaras são arrancadas.

Altar é lugar de arrependimento, de recomeço.

É ali que o desprezado descobre seu valor.

É também conhecido como Átrio. Centro. Santos dos Santos.

No Altar entramos em intimidade, face a face com Deus. 

Raio-X do nosso eu.

A foto da nossa vida representa o que temos colocado no Altar.

Altar, representação do próprio Deus! Se a nossa vida está no Altar, em Deus, nada pode nos tocar, pois se tocar no Altar estará tocando no próprio Deus.

O Altar é maravilhoso. Investimento mais rentável que existe, pois te garante a plenitude do Deus vivo, salvação.

Também é Pedra fundamental, rocha, alicerce! Sem Ele não subsistes! Pois, assim como um corpo sem o Espírito de Deus não tem vida, assim é aquele que não vive no Altar.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...